Glutamina vale a pena?

A glutamina está envolvida numa porção de reações, sistemas, mecanismos metabólicos e tem capacidade de ajudar na recuperação do glicogênio muscular, evitar perda muscular, potencializa as funções do sistema imune, e também serve como substrato para o fornecimento energético ao cérebro e outros mecanismos. 

Dieta do DNA

Com as descobertas do Projeto Genoma foi possível interpretar as informações contidas no DNA e com isso os cientistas iniciaram novas pesquisas para compreender melhor como os genes interagem com cada nutriente consumido através da alimentação. Destes estudos surgiu a ciência denominada nutrigênomica. A Dieta do DNA nada mais é do que uma promessa da nutrigenômica que afirma que em breve será possível, aos nutricionistas, elaborar um cardápio personalizado voltado para o emagrecimento.

Albumina ou Whey Protein: Qual é o melhor?

Albumina e whey protein são as proteínas em pó mais usadas por quem treina, mas se fosse possível escolher apenas uma, qual delas seria a melhor escolha? Leia então, na íntegra esta super análise categoria de nossos pesquisadores referente ao assunto!

Cuidados para não tornar a salada uma vilã do emagrecimento!

Que salada é uma importante fonte de vitaminas, minerais e fibras, você já deve estar cansado de escutar. Mas, você sabia que essa preparação pode se tornar uma verdadeira bomba calórica, dependendo da combinação de ingredientes? Pois é, se você não se atentar aos complementos, a salada pode passar de mocinha à vilã da dieta! Veja 6 dicas para montar uma salada nutritiva e com baixo valor calórico!

Simbióticos Reduzem o Grau de Fígado Gorduroso e Níveis de Colesterol na DHGNA em Crianças.

A Doença Hepática Gordurosa Não Alcoólica (DHGNA) é caracterizada por acúmulo excessivo de gordura no fígado geralmente associado com obesidade. O espectro clínico da doença pode variar de esteatose simples assintomática para cirrose. É a causa mais comum de insuficiência hepática em adolescentes nos países ocidentais e uma crescente indicação de transplante hepático em adultos nos Estados Unidos da América. 

Pycnogenol na Melhora da Aptidão Física em Indivíduos Normais ou Atletas Semi-Profissionais.

A aptidão física (AF) inclui dois conceitos: aptidão geral (um estado de saúde e bem-estar); e de orientação específica para tarefa ou esporte (uma definição orientada para a tarefa com base na capacidade de executar habilidades específicas em esportes definidos). A AF é considerada uma medida da habilidade individual de funcionar eficiente e efetivamente em atividades de trabalho e esporte e para atender tanto a necessidade externa (ou seja, uma necessidade inesperada de realizar um esforço incomum).

Olá visitante, receba

notícias, vídeos e curiosidades sobre o mundo da nutrição
Insira seu e-mail:
Não mostrar novamente!
TOP