Momordica charantia na Osteoartrite Primária de Joelhos

por Hi-Nutrition / 21 Março 2019 / Estudo Científico

A prevalência da OA de joelhos cresce rapidamente com o avanço da idade. Na União Europeia, aproximadamente 100 milhões de pessoas sofrem de OA de joelhos.

Os pacientes com OA do joelho procuram tratamento para dores nas articulações e limitações da atividade de vida diária, especialmente andar, ajoelhar-se ou agachar-se e subir as escadas. O principal objetivo do tratamento é a melhora da função e qualidade de vida. A OA é um dos principais problemas de saúde em que os pacientes preferem usar métodos alternativos de tratamento, particularmente depois de experimentar os efeitos colaterais dos analgésicos; ou falha de medicação convencional para melhorar os sintomas. Os tratamentos alternativos que são usados para OA incluem ervas, suplementos, acupuntura e eletroímãs. Globalmente, o uso da medicina tradicional/fitoterápica tem recebido crescente atenção, pois oferece melhor acessibilidade e acessibilidade em face do aumento do custo dos serviços de saúde.

Momordica charantia é um tipo de planta tropical da família Cucurbitaceae, localmente conhecida como melão amargo.  Estudos anteriores relataram as propriedades curativas da Momordica charantia, tais como efeitos antidiabéticos, antioxidantes, antivirais, anti-inflamatórios, antioxidantes, antimutagênicos e redutores de colesterol.

 

Objetivo do Estudo

Nesse estudo, Soo May et al. (2018) determinaram os efeitos da Momordica charantia na redução da dor em pacientes com osteoartrite primária de joelho. Assim, 75 indivíduos com osteoartrite primária de joelho foram submetidos ao tratamento de 3 meses com Momordica charantia (1500 mg 3 vezes ao dia – Grupo 1) ou Placebo (Grupo 2).

Resultados:

ü  Os níveis de triglicerídeos no grupo placebo foram significativamente maiores no grupo 2 comparado ao grupo 1;

ü  Após 3 meses de suplementação, o peso corporal, IMC e glicose jejum reduziram significativamente no grupo 1, enquanto não foram observadas alterações no grupo 2;

ü  Durante os 3 meses de suplementação com M. charantia, os escores analgésicos foram significativamente reduzidos (enquanto o placebo demonstrou aumento) e todas as subescalas do questionário Knee Injury and Osteoarthritis Outcome Score demonstraram aumento significativo em seus escores;

ü  Também foi observada redução dos escores do questionário EQ-5D-3L reduziram significativamente e o EQ-VAS mostrou um aumento significativo ao final do período de suplementação.

Conclusão:

A suplementação com M. charantia demonstrou ser uma alternativa segura na redução da dor e consumo de analgésicos, e melhora dos sintomas em pacientes com osteoartrite primária de joelho.


Referência:

Soo May L1, Sanip Z2, Ahmed Shokri A1, Abdul Kadir A3, Md Lazin MR4. The effects of Momordica charantia (bitter melon) supplementation in patients with primary knee osteoarthritis: A single-blinded, randomized controlled trial. Complement Ther Clin Pract. 2018 Aug;32:181-186. doi: 10.1016/j.ctcp.2018.06.012. Epub 2018 Jun 28.




Receba este e outros estudos direto no seu e-mail.
Preencha o Formulário e Fique Sempre Atualizado!

Não se prepocupe, seus dados serão mantidos em sigilo.

TOP