Curcumina na Prevenção e Gerenciamento da Osteopenia

por INSTITUTO HI-NUTRITION / 6 Junho 2018 / Estudo Científico

Introdução

A osteopenia (baixa densidade óssea) é uma condição crônica caracterizada pela redução da calcificação, densidade ou massa óssea. Essa perda progressiva óssea pode eventualmente levar a osteoporose e fraturas, se não diagnosticada e tratada. A maioria dos casos ocorre em indivíduos idosos, particularmente, mulheres pós-menopausadas, devido ao declínio nos níveis de estrógeno.

A nutrição adequada é um dos métodos preventivos mais importantes na osteopenia, além da ingestão adequada de cálcio, vitamina D e outros minerais (magnésio fósforo, cobre, zinco, fluoreto, sódio) e vitaminas (vitamina K, C e B), bem como carotenoides.

A Curcumina é um dos suplementos nutricionais mais investigados devido sua baixa toxicidade e ampla gama de alvos moleculares. Possui propriedades anti-inflamatória, antioxidante e hepatoprotetora.

Estudos in vivo e in vitro tem associado a curcumina com a saúde óssea, particularmente com a melhora da Densidade Mineral Óssea (DMO) e propriedades mecânicas, sugerindo seu papel benéfico nas desordens ósseas.

Objetivo do Estudo e Metodologia

Nesse estudo de Riva et al. (2017), foi avaliada a eficácia e segurança da suplementação com curcumina em indivíduos com baixa densidade óssea. Para isso, 57 indivíduos saudáveis com baixa densidade óssea foram selecionados e divididos em dois grupos para receberem, além do gerenciamento padrão, durante 6 meses: Grupo 1 - 1000 mg por dia de curcumina; Grupo 2 - controle.

O gerenciamento padrão incluiu avaliação nutricional completa, fornecendo uma dieta com conteúdo adequado de vitamina D, C e cálcio, além de um programa de exercício de 20 minutos por pelo menos 4 vezes na semana.

Resultados

A densidade óssea do calcanhar melhorou notavelmente no grupo 1, com redução significativa dos valores de transmissão de ultrassons na semana 12 (-18,4%) e semana 24 (-21,0%), comparado aos valores iniciais; a densidade óssea do dedinho e maxilar superior também aumentaram significativamente durante o estudo em indivíduos do grupo 1, atingindo +7,1% e +4,8%, respectivamente, na semana 24 comparado aos valores de inclusão; nenhuma dessas alterações foram notadas no grupo controle; não foram reportados problemas de segurança e tolerabilidade.

Conclusão

Esse estudo sugere que a suplementação baseada em curcumina em combinação com um estilo de vida apropriado podem ser benéficos na prevenção e gerenciamento da osteopenia.

Referências

Riva A1, Togni S, Giacomelli L, Franceschi F, Eggenhoffner R, Feragalli B, Belcaro G, Cacchio M, Shu H, Dugall M. Effects of a curcumin-based supplementation in asymptomatic subjects with low bone density: a preliminary 24-week supplement study. Eur Rev Med Pharmacol Sci. 2017 Apr;21(7):1684-1689.

TOP